quarta-feira, 14 de maio de 2008

Universidade Estadual da Paraíba discute festejos juninos

O Departamento de Comunicação Social da Universidade Estadual da Paraíba realiza de 5 a 7 de junho próximo, no Teatro Rosil Cavalcanti, em Campina Grande, o “V Seminário Os Festejos Juninos no Contexto da Folkcomunicação e da Cultura Popular”. Este ano o tema central será Urbanização, Estado e Mídia na Reinvenção das Festas Populares.


O objetivo do evento é possibilitar uma ampla discussão entre os participantes dos fatores que estão contribuindo para as mudanças nas festas populares na atualidade, especialmente, àquelas relacionadas com o período junino.

De acordo com a organização, os eixos temáticos desta edição vão além do acadêmico e buscam explicações, interpretações e redefinições das políticas públicas voltadas às festas populares no atual contexto da sociedade. Para contemplar todas essas discussões, o evento conta com a realização de palestras, mesas redondas, apresentações de trabalhos científicos, mostra de vídeos e oficinas.

O Seminário tem apoiado iniciativas e ações oriundas do setor privado, cujo intuito é promover e fortalecer as manifestações folkcomunicacionais e da cultura popular. Daí porque, este ano, será prestada uma homenagem aos 20 anos do Forró Fest, festival de música regional promovido pelas TV’s Paraíba e Cabo Branco.

As inscrições para o V Folkcom estão sendo feitas na Secretaria do Departamento de Comunicação Social da UEPB, Av. Pedro I, sem número, Campina Grande-PB. O pagamento das taxas é R$ 40,00 para profissionais e R$ 20,00 para estudantes.

Os interessados em inscrever artigos científicos, que abordem o tema central do Seminário, tem até o dia 1º de junho para submeterem seus trabalhos para o e-mail folkcom2008@gmail.com Este endereço de e-mail está sendo protegido de spam, você precisa de Javascript habilitado para vê-lo , onde maiores informações sobre o seminário também poderão ser obtidas.

As modalidades de trabalho serão Comunicações Científicas – CC (artigos científicos produzidos por docentes, pesquisadores e/ou estudantes de pós-graduação); Iniciação Científica – IC (artigos oriundos de relatórios de pesquisa ou de Trabalhos de Conclusão de Curso produzidos por estudantes dos cursos de graduação) e Projetos de Extensão – PE (relatórios e apresentação de projetos na área temática do evento)। Os trabalhos devem conter entre 10 e 15 páginas, obedecendo às regras atuais da ABNT।
Osvaldo Meira Trigueiro(Culturas Populares)

Nenhum comentário: